FME Balneário Camboriú

Balneário Camboriú - SC

Telefone: (47) 3360-0444
E-mail:

Voleibol é campeão da 1ª Batalha de Modalidades da FMEBC

Publicado em 18/06/2020 16:50

Por Lanume Weiss

Na semana passada, a Fundação Municipal de Esportes de Balneário Camboriú (FMEBC) realizou a 1ª Batalha de Modalidades nos stories do Instagram (@fmebc). O campeão da batalha foi o voleibol, conquistando 936 votos na final.

A batalha contou com 20 modalidades das escolinhas da FMEBC, disputando entre si em quatro rodadas. A final foi entre três modalidades: voleibol, kung fu e surf - e acumulou mais de 2.500 visualizações e 2.100 votos.

"O voleibol nos ensina que para atingir nossos objetivos precisa haver esforço. Essa enquete mostrou como somos fortes juntos, que há união dentro de quadra e fora dela", conta a atleta Maria Eduarda Rossi. Em especial a dedicação dos atletas, divulgando nas redes sociais e tornando histórica essa primeira batalha de modalidades, batemos um papo com seis atletas para entender essa paixão pela modalidade.

Voleibol é união, é família

"O vôlei é minha paixão porque, de certa forma, contribuiu para moldar a pessoa que sou hoje", conta a capitã da equipe feminina da FMEBC, Ana Caroline Silva. Ana pratica há seis anos e explica que em quadra, o que conta é a união da equipe. Das lembranças que guarda no peito, os Joguinhos de 2018, o ano em que a equipe foi campeã, é a mais gratificante.
 
União, família e determinação são as palavras que a atleta Maria Eduarda Rossi, praticante há seis anos, usa para definir o vôlei. "Entrar na quadra me faz esquecer qualquer desanino ou estresse", conta. "A modalidade me ensinou a lutar para acertar, melhorar a cada ponto marcado, de cada dia", finaliza a atleta.

Para Aline K. Olegario o vôlei é mais que esporte, é uma família, as quadras são uma segunda casa. Praticante há três anos, a atleta lembra dos Joguinhos de 2018 que a marcaram por ser a primeira competição que participou. "Naquele momento percebi que não conseguiria mais viver sem esse esporte. Cada momento vivido em quadra fica marcado para sempre", diz Aline.

Estar em quadra é inexplicável

Praticante de vôlei há quase sete anos, Adriel Guilherme Grignani sempre se interessou por esportes. Capitão da equipe masculina da FMEBC, o atleta sente um vínculo maior pelo voleibol por ser uma modalidade onde o trabalho em equipe prevalece. "Votei e compartilhei com os amigos a batalha de modalidades, porque, além de competitivo, queria mostrar que o vôlei é um esporte muito forte", explica. 

O voleibol foi o esporte que encantou o atleta Paulo Cesar Brand Jr. "No meu primeiro treino eu já sabia que era aquilo que eu queria para mim", explica o atleta praticante há sete anos. De todos os campeonatos, o que mais marcou Paulo foi os Joguinhos 2019, apesar de não levarem o título, chegaram ao pódio. "Foi a competição em que o time estava com a melhor energia e muito motivados", relembra.

O Campeonato Brasileiro de Seleções 2018 marcou o coração do atleta de voleibol há seis anos, Fernando Miguel Chas Iatskiv. "O vôlei me proporcionou muitas coisas. É uma molidade muito maior que equipe, nós somos uma família", conta Fernando.


Foto: Ana Caroline Silva


Foto: Paulo Cesar Brand Jr


Foto: Adriel Guilherme Grignani

Créditos: FMEBC

Veja também
Campo da Vila Real da Fundação de Esporte passa por reformas

Serão replantados mais de 300 metros de grama

Atleta de Balneário Camboriú compete no UFC, em Abu Dhabi, na Ilha da Luta

Taila dos Santos irá competir no dia 15 de julho na Ilha da Luta

© 2020 - Fundação Municipal de Esportes - Todos os direitos reservados